COMO SER DECIDIDO

Tempo de leitura: 4 minutos

SEJA DECIDIDO

INDECISÃO
deixe-de-agir-como-a-Alice (imagem deposiphotos)

 

SER DECIDIDO! Este é o penúltimo “S” da série do Paulo Pereira, autor do site Academia do Especialista (leia o “S” anterior “SEJA COMPROMETIDO”), mentor que me inspirou a criar esses artigos com a finalidade de tentar ajudar algumas pessoas a saírem do círculo vicioso dos que reclamam mesmo antes que lhe sirvam o café.

Pereira tem a intenção de incentivá-lo a viver dois momentos importantes na sua vida, desenvolver pequenas e grandes atitudes, que vai diferenciá-lo da maioria.

Às vezes nos deparamos com pessoas que tem alto grau de conhecimentos, que passaram por inúmeros treinamentos, algumas que podem ser considerados experts, mas que por um motivo ou outro estão empacados diante de um probleminha tão medíocre, que o faz ficar girando sempre em torno das mesmas dúvidas.

SER DECIDIDO, NADA TEM A VER COM A SÍNDROME DO “EU SEI TUDO”!

Essa é uma crise que podemos chamar da “síndrome do sei tudo”.

O sujeito já enfrentou problemas mais complexos, encontrou as soluções com o que tem de melhor que são os seus registros mentais, esquadrinhou impasses quase insolúveis, mas que inexplicavelmente, de uma hora para outra começa a se sentir o “cocô” do cavalo do bandido, e tudo passa a ser motivo de desculpas e protelação. Pode ocorrer nesta fase de sua vida, por conta do stress devido à carga de muito trabalho, pendências financeiras, momentos ruins no relacionamento amoroso, insatisfação no local de trabalho.

Num mundo moderno, cuja overdose de informações e invenções tecnológicas dobram ou até quadruplicam em décadas, não é mais aceitável uma pessoa que tem o sucesso como meta, ficar adiando para amanhã o que deve e sabe fazer no momento atual.

Ser decidido passa por exigir de si o melhor, mas ao mesmo tempo, fazer a “roda” girar em seu redor, cobrando de colaboradores, familiares e até investidores parceiros, que cada um  assuma o seu papel de decisão e parem de fingir um para o outro.

Para Paulo Pereira: “Você deve optar por uma PEQUENA  ação e realizá-la IMEDIATAMENTE na busca dos Objetivos traçados, como por exemplo: fazer uma ligação, agendar uma reunião, desenvolver pesquisas na internet, inscrever-se num treinamento, seminário…”.

ser decidido
não-deixe-para-depois-o-que-pode-fazer-agora (imagem depositphotos)

O importante é você ser resoluto, tem que tomar uma atitude? Então a tome. Vai ferir suscetibilidade? Problema de quem não fez o que devia ser feito. Alguém ficará desapontado com sua capacidade de pressão? Paciência, no final do mês será você que terá de pagar as contas, colocar comida na mesa da sua casa.

Pereira não fica apenas em pequenos gestos, ele quer vê-lo em movimento para almejar GRANDES resultados e, segundo ele, buscá-los IMEDIATAMENTE, pois vão fazer parte da galeria de Objetivos de médio e longo prazos – emagrecer, por exemplo (jogar comida nada saudável que está na geladeira), resolver antigas pendências (aceitar a convivência pacífica com as pessoas e perdoá-las verdadeiramente), pois isso faz bem principalmente a quem perdoa, doar-se por alguma causa social ou sustentável (escrever o seu grande legado) e, finalmente, deixar de procrastinar – mesmo que seja uma simples e singela conversa amigável.

Ser decidido é deixar de se enganar. Se trabalha em alguma organização, que decida verdadeiramente trabalhar por ela, dar o melhor que você possa ter na busca do engrandecimento da organização, que vai gerar diferença não só na sua vida, mas em todo o seu entorno.

PARE DE FICAR CORRENDO “ATRÁS DO PRÓPRIO RABO”

Como empreendedor, pare de fingir que dirige, que tem Objetivos claros, mas que não sabe instrumentalizar-se com ferramentas e fatores de medição, para que todos aqueles que dependam de sua iniciativa, possam também contribuir no máximo de suas capacidades física e intelectual.

Enfim, o ato de ser decidido é fazer a diferença entre estar sempre à frente de seu tempo, liderar e ter uma vida de bonança, diferente daqueles que fazem da escassez o seu estilo de vida, e sempre pensam em cortar despesas, esperar pelo próximo quinto dia útil para sanar suas contas, que certamente já estão atrasadas.

Outro grande pensador que sigo nos meios sociais é o Ricardo Piovam, brilhante profissional na área de formação de líderes e gestores assertivos. Neste vídeo ele dá três dicas fundamentais para sua alta performance. Confira e as coloque em prática.

Para fechar o entendimento do que realmente é ser decidido, nada como a frase atribuída ao Chapolin Colorado:  “Quem nunca escutou a mãe falando <<se correr é pior>> não sabe o que é indecisão“.

Seja decidido! Como? Você sabe, coloque o que você tem de melhor dentro de si – seu “EU” interior e ninguém vai conseguir segurar seus ímpetos de desenvolvimento pessoal e profissional.

Se você gostou, dê um “clique”, compartilhe com as pessoas que acha que podem ser ajudadas com as dicas, e o que é mais importante, deixe seu comentário abaixo, para que eu possa saber se estou no caminho certo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *