SEGREDO DE EXPERT – SEJA MOTIVADO

Tempo de leitura: 4 minutos

você-pode-levantar-o-globo
você-pode-levantar-o-globo

Este é o terceiro artigo, que escrevo comentando sobre a série “7 Ss.”, do Paulo Pereira.

 

Se você chegou aqui agora, aconselho a dar uma lida nos dois posts anteriores: “Seja Honesto” e “Seja Confiante”, para entender que trabalhamos com a possibilidade de rever o que aconteceu de bom no ano que passou e se programar para ter um ano de 2016 muito mais feliz!

O QUE É MOTIVAÇÃO?

Ao longo de minha vida, em todos os cursos, seminários e treinamentos que frequentei ou ajudei a promover quando estava ligado a uma instituição corporativa, sempre ouvia das pessoas a necessidade de se trabalhar a motivação.

Assisti ao desfile de muitos palestrantes que contratávamos com a finalidade de justamente motivar as pessoas ligadas ao setor. Uns traziam apenas conhecimentos teóricos, outros mais circenses, faziam verdadeiros malabarismos para mostrar o que era um sujeito motivado.

Lembro-me perfeitamente de um – uma figura (no bom sentido), que gostava de “dar o exemplo, fazendo”. Por ter mais de 50 anos de idade, fazia contorcionismo, plantava bananeiras, riscava a parede a certa altura, e com músicas estridentes, levava alguns dos presentes a saltarem até atingirem a marca estipulada.

No dia seguinte, aquela pessoa que saíra todo satisfeito, um “herói” na presença de centenas de colegas, voltava para seu posto de trabalho, geralmente uma máquina para ações repetitivas, e ficava se perguntando: —Caramba! Onde vou encaixar aquele salto para dar mais produção, ou trabalhar para me cansar menos e conseguir o mesmo resultado?

De palestrante em palestrante fui tentando entender qual realmente era o cerne da tal “motivação”, até que em determinado dia contratamos um profissional para nos explicar justamente isso. Acho que no caminho, antes de chegar ao local da apresentação deve ter tomado um pouco mais de “água de côco”, não conseguiu dizer coisa com coisa, e em vez de motivados, saímos todos loucos à busca de uma cama para nos livrar do sono súbito.

“BOLA MURCHA OU BOLA CHEIA?”

Depois de assistir a dezenas de apresentações dos mais renomados “gurus” e estudar um pouco sobre antropologia, comecei a entender que a motivação é um fenômeno interno, que está no DNA de cada pessoa, e que oscila- ora motivadão, querendo levantar o mundo com uma “alavanca”, tal qual Arquimedes, ora torcendo para o mundo acabar em barranco, só para ter o prazer de “morrer encostado”.

Metas-devem-ser-factíveis
Metas-devem-ser-factíveis

Mas se você quer conseguir algo que o diferencie dos demais, que te leve a uma vida de mais qualidade, terá de entender esse mecanismo, e fazer da sua Missão de Vida – o seu Propósito no mundo-, a motivação que o faça levantar todas as manhãs e sair à busca de resultados Smarts.

Ainda segundo Paulo Pereira, da Academia do Especialista: “o importante é: canalizar toda sua motivação na definição de metas pessoais em períodos categorizados, ou seja: 6 meses (imediata), 1 ano, 2 anos e 3 anos (curto prazo), 5 e 10 anos (médio prazo) e 20 anos (longo prazo)”.

Vou além, você deve estar motivado para que saiba onde quer chegar e como até a sua aposentadoria, NÃO – até o último dia de sua vida, pois suas obrigações, todas as suas ansiedades não acabam quando o INSS lhe credita pela primeira vez o “GRANDE PRÊMIO DA LOTERIA”, o seu primeiro pagamento como aposentado.

VOCÊ MERECE!

POST - 11-1-2016 (3)
que-tal-uma-viagem-como-esta?

E a qualidade de vida que sempre sonhou para si, seus filhos, sua prole, não lhe será assegurada pelo seu melhor amigo, um parente, ou quaisquer órgãos ligados a governos (municipal, estadual ou federal). Só dependerá daquilo que planejar a cada dia que acorda.

É aí que deve “focar” toda a motivação da sua existência. Saber que sua “Missão de Vida” requer mais de você, além de esperar pelo próximo pagamento para pagar as contas que já estão vencidas, ou aguardar na fila para receber a autorização de um exame de saúde que precise realizar pelo Sistema Integrado do país.

Ao categorizar todos os seus Objetivos e traçar as metas conforme preconiza Paulo Pereira, estará saindo da mesmice, no encalço de novos resultados, pois visará realizar ações diferentes, justamente para não repetir o que aconteceu no ano anterior.

Pratique TBC (tirar a bunda da cadeira) todos os dias.

Na próxima semana estaremos enfocando o quarto S – SEJA OBJETIVO.

Se você gostou, por favor, de o seu “curtir”, compartilhe e mande seu comentário, mesmo que seja crítico. O seu feedback sincero só nos levará para frente, sempre.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *